A vacinação contra a Covid-19 no Brasil dará aos criminosos a oportunidade de usar suas habilidades de engenharia social para prejudicar cidadãos desavisados. O Ministério da Saúde emitiu um alerta em seu perfil no Facebook sobre um esquema que usa a vacinação como uma “isca” para roubar contas de “aplicativos de SMS”.

De acordo com a notícia, o golpista simulou uma consulta de vacinação contra a Covid-19 e, finalmente, pediu à vítima que digitasse o “código de confirmação” enviado ao dispositivo. Se a vítima fizer isso, ela permitirá que o bandido acesse sua conta do WhatsApp ou Telegram,

 

Problemas com sono ? Aprenda a aumentar melatonina no corpo.

Depois de ter a conta, os criminosos passaram a pedir dinheiro a amigos e parentes da lista de contatos ou a usar as informações da conversa para chantagear.

Em julho, a “vítima” registrou uma falsa tentativa de vacinação de WhatsApp, e a vítima sabia o que havia acontecido. No áudio, o criminoso não apenas confirmou o plano, mas também admitiu que o método pode garantir 20 mil reais em apenas duas semanas. Depois de ouvir todo o acordo de fraude, a vítima em potencial perguntou se muitas pessoas haviam se perdido devido à fraude. O mentiroso disse: “Se eu fizer 50 ligações por dia, receberei [código] cerca de 39 delas.”

 

O Ministério da Saúde já avisou que não solicitou o agendamento de vacinas, nem a confirmação de dados. A campanha nacional de vacinação contra a Covid-19 está prevista para começar em 20 de janeiro.

Fonte : Diário do Vale